sábado, 26 de novembro de 2011

EMERGÊNCIA (Maira 6 anos)

Maira sentada no chão da sala concentrada procurando algum número em seu caderninho de telefone. Ali estão anotados todos os principais números em caso de emergência.

Maira, que tá fazendo? - pergunta a mãe.

Vou ligar pro 192 - responde a Maira (pra quem não sabe é a SAMU, o serviço de emergência)

E pra que? - questiona a mãe fingindo naturalidade

Vou ver se o doutor de lá pode arrancar meu dentinho mole - responde.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

ANIVER DO PAPAI (Maira 6 anos, JG 1 ano e 5 meses)

Maira está estudando felinos na escola. Só quer saber de gatos, ver filme de gatos, desenhos de gatos, assunto de gatos. O pai está há dias viajando. Quando fala com a Maira, ela pede um gato. Ela escreve cartas pedindo um gato. O pai não gosta de gatos. Além do mais, a casa está cheia de cachorros. E ela tem alergia a pêlos de gatos.

Quando finalmente ela esquece o assunto, surgem algumas conversas interessentes, como hoje, em uma reunião após o almoço com a mãe e o irmão, para discutir um assunto importante.

A mãe disse: - gente, está chegando o aniversársário do papai. Temos que pensar em um presente bem legal pra ele!
A Maira opinou: - tenho uma idéia! Que tal fazermos dobraduras de peixe?
JG gostou! Bateu palmas.
A mãe perguntou: - que acha disso, João? O que você quer dar de presente pro papai?
E João respondeu: - Peixe!!!
- Isso!! - disse a Maira - vamos dar um peixe de verdade!!
- Ah não! - disse a mãe! Já temos muitos peixes. Vamos ser criativos. Pensem em algo diferente..
- Ahhh!! Então eu tenho uma idéia melhor!!! Vamos dar um gato!!

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

PELELECA (JG, 1 ano e 5 meses)

Com quantos anos as crianças aprendem as diferenças anatômicas entre meninos e meninas, afinal?

Aqui em casa, não sei como se deu, mas ao trocar a fralda de JG eu disse:

- João, levanta o bumbum...

Ele agarrou o pintinho e gritou:

- "peleleca!!!"

E eu perguntei, espantada:

- O que, João?

E ele agarrou o pintinho novamente e gritou:

- "peleleca!!!"

E Eu disse:

- não... o João não tem perereca. O que é isso que o João tem aí?

E ele respondeu:

- "peleleca!!!"

Eu (rindo):

- não, João, menino não tem perereca. O que o João tem aí?

Ele pensou um pouco e respondeu:

- "Blimblim?"(que é como sempre chamou o seu pintinho).

- Isso! - Eu disse - O João tem pintinho! E a Mana tem o que?

- "peleleca!!!" - disse satisfeito.

GUNGA GUNGA GUNGUÊ (JG, 1 ano e 5 meses)

Dizem por aí que existe reencarnação. Se é verdade, JG, certamente, já foi algum preto-velho.
Digo isso porque mesmo antes de dizer mamãe, aos seis meses de idade, em alto e bom tom, João "compôs" sua primeira música, cantada repetidamente, sempre na mesma sequência, e em volume para públicos de grandes formatos.

A música é mais ou menos assim:

GUNGA GUNGA GUN-GUEEEEEEEEEÊ
GUNGA GUNGA GUN-GAAAAAAAAAÁ
GUNGA GUNGA GUNGA EEEEEEEEEÊ
GUNGA GUNGA GUN-GAAAAAAAAAÁ

GUNGA GUNGA GUN-GUEEEEEEEEEÊ
GUNGA GUNGA GUN-GAAAAAAAAAÁ
GUNGA GUNGA GUNGA EEEEEEEEEÊ
GUNGA GUNGA GUN-GAAAAAAAAAÁ

Tio Gui, muito impressionado com as habilidades do sobrinho, fez uma versão muito bonitinha da música do João para violão. Ele ficou encantado. Em casa pega sua guitarrinha vermelha e canta o GUNGA GUNGA com acompanhamento.

De noite, a mãe tenta fazer JG nanar com a clássica canção de ninar "nana nenê".

JG reclama, determinado!

- Não! ãh, ãh! GUNGA GUNGA!! (definitivamente não está satisfeito com a trilha sonora).

A música é adaptada imediatamente para um...

GUNGA GUNGA, GUNGA GUNGA, GUNGA GUNGA, JOÃO...
GUNGA GUNGA, GUNGA GUNGA, GUNGA, (...)

Com acompanhamento vocal do autor, balança o pezinho satisfeito.
Logo JG está dormindo tranquilamente, provavelmente sonhando com as batucadas de outrora.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

MIAU E AU-AU (Maira 6 anos, JG 1 ano e 5 meses)

Já faz uns dois anos que a Maira é a Linda, uma cachorrinha bem fofinha que anda pela casa. Há dois meses JG resolveu imitar a irmã. Acontece que ele fez sua própria interpretação e virou o Miau.

O Miau anda por tudo, engatinhando, miando, se esfregando, pedindo colinho.É bem manhoso o Miau. Se o João faz uma coisa errada e alguém chama atenção, o Miau fofinho aparece. Quem resiste ao Miau??

O Miau também come no pratinho do João. Na hora de dormir, se enrola nas cobertas. As vezes quem acorda é o Miau, o João só vem mais tarde.

O mais legal é que o João nem conhece Miaus de verdade, só de vista, porque convivemos mesmo com muitos e muitos au-aus, além da Linda que, aliás, ele adora. Sempre que ela passa ele faz carinho, abraça e diz: ó...fofo!!

SAMBA NO PÉ (Maira 6 anos, JG 1 ano e 5 meses)

JG é um dançarino de primeira.
Chama a mana pra dançar o tempo todo gritando:

- Mana, dançá!!!

Agora deu pra achar que tem samba no pé. Sapateia, gira, mexe os bracinhos.
Tarde da noite, a mãe exausta tentando fazer João dormir. Maira já na cama.
João escapa da caminha e corre pra cama da irmã gritando e cutucando a mana no escuro:

- Mana, mana!!! Xamba no péééé'!!!! (e sai sapateando no quarto).

terça-feira, 19 de julho de 2011

PODIA SER MELHOR (Maira, 5 anos e 8 meses)

Maira se desentende com JG. Por algum motivo a palavra favorita de João agora é "não"!, especialmente com a mana.

Ela reclama para a mãe.

Maira: viu! Eu disse que eu não queria um irmão menino!
Mãe: tu não gosta de ter um irmão?
Maira: gosto, mas podia ser melhor! (diz enfática!)

DANÇARINOS (Maira, 5 anos e 8 meses + João 1 ano e 1 mês)

João acha tudo que a Maira faz lindo e a Maira é bailarina.

Maira dança graciosamente, saltita, levanta as mãos.

João... faz o melhor que pode pra acompanhar, mas se diverte.

É domingo a noite a dupla está dançando acompanhando Allegria, o DVD do Cirque du Soleil.

Maira está treinando suas habilidades de bailarina/ginasta, João tenta girar, com os bracinhos esticados pra cima que mal passam de sua cabeça.

No dia seguinte, mamãe está contando para a babá as façanhas dos dois e comenta:

Mamãe: tem que ver que graciosa a Maira dançando. E o João...

Maira complementa: ... parecia um ganso com dor de barriga...

BAILARINA (Maira, 5 anos e 8 meses)

É sábado e mamãe está com dor de cabeça, tentando fazer João dormir.
Maira está toda vestida de bailarina, saltitando pela casa.
De repente, ela aparece com uma vassoura na mão.

A mãe pergunta: Mai, que tá fazendo?
Maira: Dando uma folga pra vocês...vou arrumar a casa.
Mamãe (surpresa): nossa, filha... que querida que tu é!
Maira (após um pequeno silêncio): ...eu sei, bailarinas são assim...

quarta-feira, 29 de junho de 2011

OITO DENTES

João tem um grande sorriso
E oito dentes

Imita leão
Balança o bundão

Senta e levanta
Ajeita a colher
Coloca na boca
Depois lambe o pé

João é esperto
Já dá cambalhota
Entra em uma caixa
Sai atrás da porta

Escala a parede da sala
Se esconde embaixo da mala
Sapo, sapato, lápis, martelo
Pato, caderno, carrinho, chinelo

Penteia os cachinhos
Escova o dentão
Depois é hora da natação

é tudo MINHO! Declara João
Agarra a irmã
e lasca um beijão

Faladeiro e brincalhão
Ninguém pode com o João

Pisco o olho e já não está...

Cadê o João?

Taqui!!!! - ele responde

Com seu grande sorriso
E seus oito dentes

(23.06.2011)

VIOLÃO (Maira, 5 anos e 7 meses)

Maira está tocando violão. Quando vai guardar o instrumento, ele se emaranha nos seus cachinhos despenteados da manhã.

Ela começa a gritar.

A mãe ajuda a desfazer a confusão.

Maira, magoada, conclui: eu disse que violão é perigoso para meninas!

ARTISTA PLÁSTICO (Maira, 5 anos e 7 meses)

A mãe conta para Maira que pretende levá-la a uma oficina de artes, ministrada por uma artista plástica.

Maira vibra de emoção:

- Oba!! Vou pintar no plástico!!!

terça-feira, 31 de maio de 2011

TITI ( JG, 11 meses)

JG está fazendo natação para bebês com a mamãe. Depois da aula, a mãe dá banho nele e toma banho no vestiário, enquanto ele fica no carrinho, olhando a mãe e as profes tomando banho.

Um dia desses, enquanto a mãe arrumava o João, uma das profes já estava tomando banho e JG ficou muito interessado. Começou a chamar a mãe pra ver.

- Mãe! Mãe! (ele grita!!)
- Que, João?
- Titi!! (titi é seio. JG tinha desmamado há alguns dias. A mãe achou que fosse alguma recaída).
- Não tem titi pro João. Espera que a mãe já te dá papá.
- Mãe! Titi! Ó! (e começou a apontar e a esfregar a barriga e o peito, fazendo um som).

Quando a mãe olhou... não é que ele estava imitando a profe que estava tomando banho se ensaboando e, claro, de titi de fora?

UM ANINHO (JG, 11 meses)

JG nem fez um ano e é metido a falador. Quando alguém pergunta

- Quantos aninhos o João vai fazer?

Ele prontamente responde:

- ummmmmm (mostrando o dedinho).

- E o que vamos cantar no aniver do João?

- Papo!! - ele responde, balançando a cabeça e batendo as mãos (ele acha que em aniversários se canta a música do Pato, do Pocoyo, o que vai ser engraçado, porque nem é uma música de verdade)

- E o que vamos papar no aniver do João?

- Mamãmmm!! Tati!! (Tati, no caso, é doce... e adivinha quem foi a irmã que ensinou?).

PESADELOS (Maira, 5 anos e 7 meses)

Maira está tendo pesadelos. Grita, chuta as cobertas.
A mãe vai até o quarto, cobre a filha, conversa, acalma e volta pra cama.
Na quarta vez, a mãe acha melhor levar a Maira pra sua cama e diz pra filha:

Maira, vai pra minha cama.

A Maira, chorando, reclama pro pai: Eu fui "expulsada" da minha própria cama!!!!!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

JAPÃO (Maira, 5 anos e 7 meses)

Maira: Mãe, nós podemos viajar um dia desses?
Mãe: podemos... pra onde tu quer ir?
Maira: Pro Japão, eu acho...
Mãe: ah é? Fazer o que?
Maira: ué? Comer sushi!

ACAMPAÇÃO (Maira, 5 anos e 7 meses)

Maira combinou com a tia Pati de fazerem uma "acampação".
Estava tudo certo. Ela viria de Porto Alegre e as duas acampariam no jardim.
A tia Pati veio, como combinado, mas na noite do acampamento, choveu.
As duas acamparam na sala, com direito a café da manhã previamente preparado (diversas frutas e iogurtes).
Maira, muito feliz, abraçou a tia e disse:

- é a primeira vez que eu faço uma acampação com uma amiga!

domingo, 29 de maio de 2011

MINI INSETO (Maira, 5 anos e 7 meses)

Maira é muito crítica e observadora, mas não gosta de magoar ninguém.
Na escola é amiga de todo mundo.
Quer dizer, quase.
Dia desses, enumerou os motivos pelos quais não era muito amiga de três meninos...
Um beliscava. Um é muito bebezão.

- E o outro Maira?
- Ah, mãe... ele tem uma boca que parece um mini inseto...

segunda-feira, 4 de abril de 2011

HANNA (Maira, 5 anos e 5 meses)

Maira pergunta: Mãe, porque eu não me chamo Hanna?
Mãe: porque Maira é um nome lindo. Quando tu nasceu até pensei em Hanna, mas teu pai não quis...
Maira: Ahhh, mãe!!! Porque tu não disse pra ele: tem que ser Hanna, sei que a tua filha vai gostar...
Mãe: mas tu não gosta do teu nome?
Maira: gosto, mas é complicado...

(até dormir a mãe teve que chamar a menina de Hanna...)

sábado, 2 de abril de 2011

ELEVADOR (Maira, 5 anos e 5 meses)

Maira entra correndo no elevador do Hotel. Ela que quer apertar os botões.
Maira diz: eu que aperto! Vamos pro TÉDIO? (= térreo)

DIA INCLINADO (Maira, 5 anos e 5 meses)

Maira, Mamãe e JG estão dando um passeio em Gramado. Quando Maira sai do saguão do hotel para a rua, comenta:

Maira: Brrrrr!! Mas que dia inclinado!!
Mamãe estranha a expressão e pergunta: tu não quis dizer nublado?
Maira: não!
Mamãe: enevoado?
Maira: não!
Mamãe: enfumaçado?
Maira: não, não. É inclinado, mesmo...

(silêncio)

Maira: tu não sabe o que é um dia inclinado?
Mãe: não...
Maira: tua mãe não te ensinou isso?
Mãe: acho que não... me explica como tu sabe que um dia está inclinado.
Maira: dia inclinado é um dia que parece neve, mas é fumaça.
Mãe: ahhh... e onde tu aprendeu isso?
Maira: Ah... por aí!


De tarde a mãe conta pro pai sobre como estava o dia de manhã. E brinca cantando a música:

"um dia inclinado, um bom lugar pra ler um livro, o pensamento lá em você..."

Maira comenta: viu! sabem inclinado até na música...

ALIMENTOS (Maira, 5 anos e 5 meses)

Maira termina de comer. Sobra um pedaço do hamburguer no prato.
O pai pergunta: Vai jogar fora ou quer guardar?
Maira responde rapidamente: Guardar! Alimento não é lixo, não!

segunda-feira, 28 de março de 2011

CUIDADOS (Maira, 5 anos e 5 meses)

Pai e mãe estão conversando um assunto trivial no carro. A conversa vai ficando "empolgada". Maira interrompe do banco de trás:

Maira: Olha, olha!!! Vamos logo parando com isso!
Mamãe: Ué, Maira. A gente está só conversando. Tem medo que a gente brigue?
Maira: Não, tenho medo que os dois se machuquem...

(de onde tiram essas coisas?)

COSTUREIRA (Maira, 5 anos e 5 meses)

Maira chega da escola e comunica à mãe:

Maira: Mãe, a mãe do Henrique é mais costureira que tu!
Mãe: Ah, é?
Maira: Sim! Ela tem uma loja de costuro.
Mãe: Tá certo. Mas eu também sei costurar.
Maira: Sim.. tu costura, mas não é costureira.
Mãe: É verdade... E o que eu sou, então?
Maira: Ué? Tu é mãe!
Mãe: Mãe? Só isso?
Maira (arriscando um palpite): ... a melhor mãe do mundo???
Mãe: Não foi isso que eu quis dizer. A mamãe é bió....
Maira: ... mó?

(bió-mó????)

MAIS DE ESTRELAS (Maira, 5 anos e 5 meses)

- Pai, como as estrelas caem? É quando o céu treme?

FIM DO MUNDO (Maira, 5 anos e 5 meses)

Maira no carro, observando a paisagem. Da estrada se vê montanhas no horizonte.

Ela comenta: mãe, tá vendo aquelas montanhas? Acho que é ali o fim do mundo...

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

NOJO! (Maira, 5 anos e 4 meses)

Maira está no carro, voltando da aula de violão. No rádio está tocando a música Caso Sério, da Rita Lee... "eu... fico pensando em nós dois, cada um na sua...", quando ouve: "misto quente... sanduíche de genteeeee".

Maira exclama: Ui! Que nojo!
Mamãe: Que que é nojo?
Maira: Sanduíche de gente. Eca comer isso!
Mamãe: Mas não é comida, é uma expressão, são pessoas tão grudadas uma com a outra que ficam parecendo um sanduíche (era a explicação possível hehehe)
Maira: Mas é nojo se tiver um cara bem peludo!

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

VENDA (Maira, 5 anos e 3 meses)

Maira está com mania de fazer "vendas". Prepara produtos e oferece para as pessoas. Qualquer um compra com uma moedinha. Se não tiver, tudo bem. Ela empresta uma moeda dela.

Dia desses vieram visitar a Maira: vó Uliza, vô César, tia Pati e Bisa. Maira correu pra sua venda e ficou esperando. Quando chegarm ela anunciou: quem quisesse visitar seus girinos, suas larvas de mosca, seus ovos de caracol e seus peixes na fonte, tinham que pegar o ingresso para o passeio na venda.

Ainda bem que eram de graça.

NÓS (Maira, 5 anos e 3 meses)

Mamãe penteia o cabelo da Maira, todo enozado.
Maira começa a imaginar:

- Imagina se no meu cabelo tivessem nós do tamanho de cada país!! Um nó da França, um nó do Chile, um nó do Planeta Terra, um nó do Planeta Martim...

SER CRIANÇA (Maira, 5 anos e 3 meses)

Mamãe pede pra Maira fazer alguma coisa. Ela resmunga.
Mamãe pergunta outra coisa. Ela resmunga.

- Que houve, Maira? - pergunta a mãe.
- Ai! Nada! Tu não sabe o que é ser criança... - responde Maira
- E como é? - pergunta a mãe.
- É muito difícil!! - desabafa.

PODERES (Maira 5 anos e 2 meses)

JG quer mamar mais uma vez.

Maira pensa alto: ele só quer isso pra ter o poder dele...
Mamãe ouve e pergunta: que poder, Maira?
Maira (séria): o poder dele é vomitar nas pessoas, claro!

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

LIVROS (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira produziu livrinhos com desenhos.

O plano era fazer uma "venda" e arrecadar algumas moedas.

Um deles, Maira deu pro papai... ele quis saber qual era a história.

Maira respondeu: tu ganhou o livro, tu que faz a história.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

PALHAÇADAS E GARGALHADAS

Maira (5 anos e 2 meses) e JG (7 meses e meio) fazendo bagunça antes de dormir. Ele só ri assim pra ela...
video

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

NUTRITIVO (Maira, 5 anos e 2 meses)

Dia quente e Maira toma banho de mangueira no pátio.
Uma hora depois, quando a mãe a está secando, pergunta...

Mãe: Mai, gostou da brincadeira? Achou bom tomar banho de mangueira?
Maira: Claro! Foi muito nutritivo!

AMAR (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira está beijando e abraçando o João Gabriel.

A mãe pergunta: tu ama o João, Maira?
Maira: amo!
Mãe: e como tu sabe que ama?
Maira: ué? todo mundo sabe quem ama.
Mãe: mas como a gente sabe quando gosta de alguém ou quando não gosta?
Maira: porque cada um sabe de si.

GÊMEA (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira está meio teimosa e mal humorada.
Depois de um tempo aparece com uma cara melhor.

A Vó Uliza comenta: Ahhh!! Essa sim é a minha netinha!

E Maira responde prontamente: é que eu tenho uma gêmea....

FRITADA (Maira, 5 anos e 1 mês)

Maira assiste a um espetáculo de balett, "O quebra nozes".

Diz pro pai: Vou querer ser bailarina que nem elas quando eu crescer.

Quase no fim do espetáculo, exclama:

Maira: ai, ai, ai... eu tô fritada!!
Pai (rindo): Porque, Mami?
Maira: elas dançam muito bem....

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

VAMPIRO ESPERTO (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira sai do banho com a toalha nas costas.

Maira: Olha aqui.... (fala com voz assustadora), minhas asas e meus dentes! Sou um vampiiiiiiro....
Mamãe: Óóooo!!!! O que tu quer comigo?
Maira: Quero todo teu sangue!
Mamãe: Não vai dar! Os mosquitos já tiveram aqui. Não tenho mais nenhum sangue...
Maira: Claro que tem! Tudo que se move tem sangue...
Mamãe: Ah, é? Como tu sabe disso?
Maira: Eu estudo!

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

CHOCADEIRA (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira vê o irmão deitado e "acocora" em cima dele.
A mãe diz: sai daí, Mai! Vai machucar o mano.
E a Maira rindo, fala: Não parece que eu tô chocando ele?

FILHOS E FILHAS (Maira, 5 anos e 2 meses)

Mamãe ensinou a Maira a cuidar de seus cachos.

Ela diz: que bom que agora sei cuidar de cachos. Vou poder cuidar do cabelo dos meus filhos e filhas quando eu crescer!

PAPAI NOEL (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira: mãe, como será que o papai noel faz pra subir no telhado?
Mamãe: não sei... será que ele é mágico?
Maira: igual o vô César?
Mamãe: pode ser... será que o vô César É o Papai Noel?
Maira: será??? Mas ele não tem barba branca....
Mamãe: Maira, tu acha que existe só um papai noel ou existem vários?
Maira: um só não!! Existem mil papai noéis. E mil renas também.

ANJOS (Maira, 5 anos e 2 meses)

Maira: Mãe, quando a pessoa morre, que tu acha que acontece?
Mamãe: não sei, acho que vira um anjo.
Maira: eu também acho. Acho que a Mercedes Sosa é meu anjo...
Mamãe: é mesmo? E por que?
Maira: é que ela era amiga do meu pai...

(isso porque a Maira se apaixonou pelo CD dela, quer ouvir todo dia, e Fábio disse que gostava muito da Mercedes Sosa e já tinha visto ela pessoalmente)

domingo, 9 de janeiro de 2011

AMIGOS (Maira, 5 anos e 1 mês)

Maira anda com muito ciúmes do mano.
A mãe tenta exlicar que agora o mano exige muita atenção, mas que logo serão grandes amigos.

Maira retruca, contrariada: Irmão não vira amigo! Já nasce amigo...